8 dicas rápidas para desinchar a barriga
8 dicas rápidas para desinchar a barriga

O inchaço na barriga é um problema que afeta não só o visual, como também causa sensações de mal estar. Para não sofrer com os arrotos, desconforto abdominal, flatulência e o próprio inchaço, as pessoas querem desinchar a barriga.

E por que a barriga fica inchada e mole? Várias são as causas, mas as três principais são retenção de líquidos, intolerância à lactose e ao glúten. Quando você consome algo que não pode, ocorre o excesso de gases no organismo.

Dessa forma, a melhor forma de emagrecer e desinchar é alterando a sua alimentação. Prossiga com a leitura do artigo e confira as dicas!

Desinchar a barriga: como desinchar a barriga rápido?

“No final, a melhor forma de lidar com o inchaço na barriga é a mais simples.”

Muitas pessoas se assustam com a barriga inchada e mole de um dia para o outro, achando que engordou alguns quilos durante a noite. Na maior parte das vezes, não é nada disso, é apenas um inchaço temporário.

Por ser um problema tão simples, é fácil de aprender a como desinchar a barriga rápido – alguns ajustes na alimentação trazem a resolução. Porém, não dá para fazer qualquer coisa para resolver o problema.

Pensando no seu caso, aqui vai uma lista de dicas para emagrecer e desinchar a barriga!

1. Aumente o consumo de líquidos

Apesar de parecer contraditório na primeira vista, um maior consumo de água não vai deixar a sua barriga inchada e mole. A desidratação acaba fazendo o corpo armazenar muita água, pois o organismo entende que deve preservar o líquido.

Quando você consome a água, o corpo acaba eliminando um pouco do seu estoque. Além disso, o líquido favorece a circulação (sangue é praticamente composto de água), o que acelera os processos metabólicos necessários para desinchar.

2. Reduza o consumo de alimentos ricos em sódio

Os alimentos ricos em sódio são um dos maiores causadores da retenção de líquidos quando há o consumo excessivo. Acontece que o sódio tem a capacidade de carregar a água – quando está em excesso, promove a retenção de líquido.

Por esse motivo, controle o consumo de temperos, alimentos industrializados e processados, ingerindo a menor quantidade possível de sódio.

3. Evite os alimentos com álcoois de açúcar

Os alimentos com álcoois de açúcar, que se tratam de um adoçante de baixa caloria, podem também contribuir com o inchaço da barriga. Acontece que eles alteram o seu trato gastrointestinal, levando ao problema de gases, cólicas, inchaço e até diarreia.

E onde estão os álcoois? No eritritol, glicerina, hidrogenados de amido hidrolisado, isomalte, lactitol, maltitol, manitol, sorbitol e xilitol.

4. Tenha atenção com o consumo de fibra

A fibra é um nutriente importante para manter o sistema digestivo funcionando e promover a sua saciedade. Porém, se você não está acostumado a consumi-la, o pior erro que pode cometer é consumir de uma só vez.

Acontece que as fibras ingeridas em alta quantidade num curto período de tempo levam ao inchaço. Para um iniciante ao consumo regular, o mais recomendado é ficar entre 20 e 25 gramas por dia e tomar muita água junto.

5. Escolha bem as frutas e vegetais

Para emagrecer e desinchar, é importante escolher frutas e vegetais com uma grande abundância de benefícios nutricionais, mas com menor quantidade de álcoois de açúcar. Nesse critério, se encaixam as amoras, morangos, melões e laranjas.

Entre os vegetais, a melhor opção são aqueles com grande quantidade de água, como o pepino e a abobrinha.

6. Escolha bem os carboidratos também

Os carboidratos são muitas vezes ignorados na alimentação para desinchar e também para emagrecer. Acontece que existem os carboidratos bons e os ruins – sendo apenas os ruins que deve excluir.

Os bons carboidratos são complexos e nos fornecem açúcares de queima mais demorada, importantes para o metabolismo mais rápido.

7. Coma num bom tempo

A má digestão também é uma causa clássica do inchaço na barriga, pois é importante comer devagar e mastigar bem os alimentos. Com um tempo mais lento na mastigação, você tem um tempo mais rápido na digestão.

Além disso, comer devagar permite que alcance a saciedade mais rapidamente e que, consequentemente, diminua o consumo excessivo de alimentos.

8. Pratique atividade física

A prática de atividade física é bastante relacionada com a diminuição do inchaço na barriga. Ela ajuda na digestão, diminui a prisão de ventre, combate a retenção de líquidos, acelera o metabolismo e, claro, diminui o peso.

E o que fazer de atividade física? O recomendado inicialmente é a prática de exercícios aeróbicos e abdominais. Por exemplo, uma caminhada de 30 minutos diários já é o suficiente para estimular o seu aparelho digestivo.

Conclusão

Como desinchar a barriga rápido? Bem, além dessas dicas que você viu aqui, há ainda muitas outras que pode colocar em prática. Para lidar com o inchaço, é importante modificar a sua alimentação para desinchar.

Mas se você tem dificuldade em desinchar a barriga, não se preocupe. Agende a sua consulta comigo para que possamos trabalhar com a melhor alimentação para o seu caso!

Fale comigo pelo Whatsapp!